O FASCISMO ESCANCARADO OU  A REVOLUÇÃO DOS BICHOS

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto

Entendo que a divulgação do vídeo da reunião ministerial de 22 de abril não se prestou aos objetivos do Ministro Celso de Mello, do STF.

A nós escancarou o projeto fascista recheado de crimes contras das instituições democráticas. O presidente insiste em armar a população (milícias) para evitar a tomada de poder por um “ditador” (ou garantir nas ruas que o ditador se invista de poderes para garantir a constituição – “eu sou a constituição”, já tinha dito). Afirma também claramente que vai intervir na PF para garantir a segurança de bandidos amigos e os de sua família. Moro, em nenhum momento esboçou qualquer reação a respeito.

O ministro da educação falou em desconhecer povos indígenas, quilombolas, ciganos e, após se declarar um militante de primeira hora do projeto fascista, pede a prisão do STF (o que seria isso a não ser a proposta de um golpe?)

O ministro do turismo fala em abrir cassinos e o da fazenda grita que tem que privatizar essa porra logo (porra aqui é o Banco do Brasil). Damares, evangélica em nome da família e dos bons costumes, não se incomoda com a enxurrada de palavrões presidenciais e denuncia que existem adversários transmitindo, propositadamente, a Covid para os índios, apenas para culpar Bolsonaro. Acusa o Governador do Piauí de invadir residências para garantir a quarentena e, na ordem unida ao projeto fascista, diz que já pediu a prisão de governadores e prefeitos que querem manter a quarentena.

O ministro do meio ambiente, cinicamente, diz que deve se aproveitar que a imprensa só tem Covid na pauta para aprovar de “baciada” legislação para garantir garimpos e a ocupação da Amazônia. Aproveitar para acabar de vez com a proteção ambiental. Merecia um prêmio de cinismo explícito.

O presidente da Caixa reclama que tem de manter funcionários para pagar o auxílio emergencial. Quase que propõe parar de pagar. O do BNDES diz que o banco não é mais só pra emprestar dinheiro. Dos mortos da epidemia e dos que não têm como manter o sustento, ninguém fala. Guedes aproveita o cinismo reinante para dizer que o governo vai ganhar se ajudar os grandes investidores, mas vai perder se ajudar pequenos empresários e o comércio. De que fingindo abraçar todos na crise colocaram uma granada no bolso do inimigo: dois anos sem aumento de salário (inimigo aqui é o servidor público!).

O presidente, que só consegue fazer uma frase ligando dois ou mais palavrões, diz que os adversários querem a hemorroida dele. Confesso que não consegui pegar o significado da escatologia e perversão contida na frase. Mas garante que se eles saírem do poder terão que ir embora do país ou serão presos. A incompreensão do que ele queria dizer é grande, mas parece afirmar que o projeto fascista não pode ceder a sucessão democrática. Algo como uma conclamação para de não entregarem o poder.

Para nós democratas a reunião é uma prova de que o governo comete crimes contra as instituições democratas, a constituição, a legislação. O que temos que levar em consideração é que o fascismo foi eleito nas urnas. O Brasil tem 25% de sua população que endeusa argumentos do fascismo (misoginia, homofobia, racismo, autoritarismo e são saudosos da ditadura) e que produziram Bolsonaro pelo voto. O fascismo, por sua natureza, trama contra a democracia naturalmente. E a sociedade, como um todo permitiu essa ascensão e garantiu as eleições. Tivesse sido preso, quando elogiou Ustra no seu voto do impedimento de Dilma, não seria candidato, mas na época todos queriam a cabeça da presidente eleita. A direita não foi capaz de apresentar uma proposta viável, a esquerda estava desacreditada, a política desmoralizada e demos com os burros no fascismo.

Tenho a impressão de que a divulgação do vídeo pelo ministro do STF se apresenta como uma propaganda de Bolsonaro para seus apoiadores. Não creio que as instituições terão força para julgar crimes contra a democracia de um governo fascista. A Globo bate na tecla de salvar Moro para condenar Bolsonaro. O vídeo se mostra pouco eficiente para essa saída pela direita.

O interessante é que o vídeo mostra os militares calados diante da saraivada de impropérios desejantes sem qualquer proposta de efetividade. Braga Neto apesar de parecer coordenar a reunião (não se coordena Bolsonaro) não emite opinião. Mourão calado enigmaticamente permaneceu até o fim. Não há sinais que os militares tutelam Bolsonaro, pelo contrário, parecem lhe garantir os desafios. Impressionante o papel de capacho do Heleno. Foi espinafrado e não se defendeu. Depois emitiu uma nota desnecessária defendendo o chefe que lhe bate.

Mas Bolsonaro não é tão forte que não possa cair. Ele mesmo disse isso várias vezes. Necessário que os partidos e movimentos sociais e a sociedade organizada tentem interromper o projeto fascista antes que seja tarde. Usando todas as frentes numa ampla aliança. Temos que tentar um impedimento dessa figura execrável. E parar a revolução dos porcos no poder.

______________

desenho: 1000TON

 

 

3 comentários em “O FASCISMO ESCANCARADO OU  A REVOLUÇÃO DOS BICHOS

  1. Desesperadora situação! Edmar Oliveira dá a dramaticidade adequada, com todos os matizes macabros das tintas. E tudo é verdade. “DELIMITOU-SE” lá atrás, com STF dentro, claro, a situação que estamos vivendo hoje. É tudo muito sórdido, há uma imundice pegajosa no ar. Acho que a minha charge bem ajudou a criar o clima. Valeu participar, meu camarada.

    Curtir

  2. Nao vejo la grande diferenca entre o fascismo do palhaco e o da lava jato. Escatologia a parte. A justica partidarizada cometeu todos os crimes possiveis. Referendada pelo stf pela grande midia etc. Esse pessoal vai barrar o que? So os crimes do palhaco? Processo muito organizado com claros interesses de fora. So forte reacao popular organizada e esquerda unida. Esquerda e nao cumplices.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s